Home Principal Editorial

VC no Portal

Educação

EDITORIAL: VOCÊ SABE QUE EXISTE O DIA DA VERDADE? PDF Imprimir E-mail
Escrito por Adriano Marques dos Santos, Editor Chefe   
Qui, 28 de Março de 2013 00:00

Adriano Marques - Editor do Portal de ConfinsAdriano Marques - Editor do Portal de Confins3 de abril é a data comemorativa do desconhecido Dia da Verdade. Sobre o Dia da Mentira nem preciso falar, todos sabem o dia. Isso me faz pesar, porque as pessoas mentem? Existem alguns motivos: fugir de uma punição, ganhar prestígio, medo de castigo, evitar constrangimento, ganhos materiais e pessoais, preservar a privacidade, manipular informações, apoiar ou beneficiar outra pessoa, ou meramente pelo prazer.

A mentira cria uma confusão que força o cérebro do mentiroso e para amenizar a contradição criada dentro da cabeça do mentiroso, o subconsciente faz que a pessoa acredite no final que a mentira é verdade, ou seja, o mentiroso começa a mentir para si mesmo.

Todos querem a verdade, mas mentir cria compensações que podem garantir por algum tempo uma ilusória sensação de que tudo vai dar certo. Isso acaba gerando a perda de algo muito precioso: a consciência da realidade. Então pensamos que roubar é normal, agimos com indignação contra um ato de violência, mas depois seguimos naturalmente com nossas vidas, pensando "todo mundo faz isso", "isso não dá nada para ninguém".

A mentira é uma doença do subconsciente, pois causa uma ansiedade sobrenatural e faz o mentiroso buscar alívio na bebida, no cigarro, na droga. Então o que era uma doença da "alma", passa a ser uma doença do corpo. É rara a pessoa que não busca uma compensação pela mentira dita. A pessoa somente não busca um "alívio" quando tem prazer em mentir, então a doença é mais grave ainda.

A mentira cria uma "prisão" que mantem o mentiroso preso numa ilusão que o força a criar mais e mais artifícios para manter a mentira; uma prisão sem muros onde o próprio mentiroso tem a chave para se libertar: a verdade.

O livro "As 25 leis bíblicas do sucesso" de William Douglas e Rubens Teixeira, na página 108, mostra algumas dicas para sermos mais honestos e verdadeiros conosco e, principalmente, com os outros, são perguntas que você faz para si mesmo e conforme sua resposta, você está sendo mentiroso: (1) O que você está fazendo fere as leis do país? (2) O que você está fazendo pode ser filmando ou publicado sem que isso lhe cause vergonha ou um processo criminal? (3) Se os outros fizessem o mesmo que você, você ficaria satisfeito? (4) Você faria isso com alguém que você ama? (5) Alguém está sendo prejudicado ou fraudado? (Ou seja, submetido a perda exagerada enquanto você obtém lucro exagerado?)

Pesquisei em vários sites sobre a origem do Dia da Verdade e não achei nada relevante. Já sobre o Dia da Mentira achei páginas e páginas falando sobre sua origem, todas voltadas para a brincadeira. Se pararmos para pensar, será que queremos viver de brincadeira ou viver de verdade?

Vou fechar falando sobre um homem que todos, mentirosos ou não, dizem ser um exemplo a ser seguido, Jesus Cristo. Ele disse: "E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará". Acredito que Ele seja a origem de todos os dias da verdade.

Pense nisso e seja livre.

Última atualização Seg, 08 de Julho de 2013 06:57
 
«InícioAnterior12345678910PróximoFim»

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL
Banner
Se você não quer sua foto publicada no Portal de Confins, entre em contato citando o evento e o número da foto para retirarmos.
 

Leia o Jornal